5 de julho de 2011

Chegou o 4 de Julho



E lá teve de chegar o dia de regressar ao trabalho....

Esta segunda feira foi o dia D, como quem diz o dia da desgraça, votei ao mundo laboral...

Quando acordei de manhã, fiquei uns minutos a olhar para a carinha da minha anjinha a dormir, tão serena e doce.

Quando me preparava para sair de casa o coração começou a apertar, apertar, apertar e manteve-se assim até voltar ás 16.

O que vale é que as pessoas que me interessam me receberam bem, senti-me bem vinda e apoiada, obrigado a todos por isso.

Quando cheguei a casa, a Mariana estava a acordar da sesta, entro no quarto e mal lhe ponho os olhos em cima, o sorriso dela soltou novamente o meu coração e tudo ficou bem :)

Nestes cinco meses nunca me tinha separado dela, mas acho que só não foi pior porque o pai fica com ela até Agosto, se ela já estivesse no colégio tenho a certeza que ia ser mais doloroso.

Enquanto o euromilhões teima em não sair tenho de aguentar, o que vale é que até 3 de Fevereiro de 2012 saiu ás 16 horas loll

7 comentários:

Carla Santos disse...

Pois custa muito, custa, mas por enquanto é como tu dizes ainda fica com o pai e não no colégio, mas vai-te preparando para essa fase.
Ainda bem que foste bem recebida, pois isso também ajuda bastante, os que não gostam de ti, olha paciência têm de se aguentar, é a vida, e nesses nem vale a pena pensar, pois são de certeza gente que não interessa a ninguém e uma cambada de invejosos, sem ter amigos, nem vida própria, isto é o mal de trabalhar em grandes empresas e com muita gente ;)
Mas o que interessa aqui é que a pequena Mariana esteja bem, que a tua volta à vida laboral corra bem, e aproveita bem as duas horinhas a menos por dia que sabem tão bem, para podermos estar mais tempo com os nossos amorzinhos.
Beijocas grandes

Nocas disse...

E tiveste direito a bolo de chocolate :)

Palavrinhas* disse...

Ainda bem que correu bem o teu regresso e que a Mariana tem o pai para lhe dar todos os mimos do mundo!
Beijinhos

Vanda Saraiva disse...

Ainda bem que o R. está este tempo em casa com ela. É uma forma de te ires gradualmente habituando a esta nova fase de separação. Por um lado sais mais cedo, chegas a casa e sabes que ela está bem com o Pai - se fosse directa para o infantário também acredito que seja mais doloroso.

Beijinho
Vandinha & Gui

Sara* disse...

Nocas: Pois foi :) dizem que ra do teu aniversário, mas cá para mim foi para comemorarem a minha chegada lollllllll

Aquae Flaviae disse...

Ai linda, não posso deixar de sentir um nervosinho miudinho na barriga só de ler as tuas palavras... já me encontro em contagem decrescente para regressar... só faltam 10 dias... espero também ter bolo de chocolate qdo voltar!!!!!!!!!! lolllllllllllll

Li disse...

Olá linda,
um dia de cada vez ;)
Beijinhos