10 de novembro de 2009

Gripe A

Ao fim de não sei quanto tempo a ouvir falar na Gripe A
Ao fim de não sei quantas pessoas apanharem a dita Gripe
Ao fim de inúmeros clientes nos pedirem o dito Plano
Ao fim de infelizmente ocorrerem algumas mortes em Portugal
Ao fim de algumas pessoas já terem recebido a vacina
A minha empresa dignou-se a apresentar aos trabalhadores o Plano de Contingência para a Pandemia da Gripe A.
Mais vale tarde que nunca não é??
Eu não sei quanto a vocês, mas eu, se me perguntassem não levava a vacina, uma vacina em que nem os médicos confiam, que foi rejeitada nos EUA, que no caso das grávidas não garante que não afecte o bebé...hummmmm não me convence.
E além de tudo o mais, eu não pertenço a nenhum dos chamados grupos de risco, que eu saiba pelo menos.
E tu?
Confias nesta vacina?

3 comentários:

Vandinha disse...

Como estou grávida e, no último trimestre de gravidez faço parte do Grupo de Risco, contudo não vou levar uma vacina que não sei até que ponto pode prejudicar o meu bébé. Prefiro arriscar e ao 1º sintoma é ficar em casa... tão simples quanto isso!
Não vou servir de cobaia para ninguem... muito menos utilizar o meu bébé para tal...

E por falar em Gripe A... já estou farta de ouvir falar nela... quando não é a Gripe é a Gripe das Aves, ou as Vacas Loucas... há sempre qualquer alarmismo para noticiar neste País!

Beijinho
Vandinha

MarKekas disse...

Na minha empresa já foram tomadas medidas há cerca de 3 meses. Alcool em gel para as mãos, mais uma senhora da limpeza sempre a dar a volta ao open space todo e aos gabinetes a limpar maçanetas, etc, não temos copos nos bebedouros de água e é aconselhável cada pessoa usar a sua garrafa, etc...

Para mim existe alarmismo em excesso em relação à gripe A e tudo não passa de uma manobra de marketing para as farmacêuticas que têm as vacinas e o Tamiflu fazerem rios de dinheiro. Morre mais gente por ano com gripe normal e ninguém fala disso...

Tremoçonauta disse...

Na minha opinião estão a exagerar. Mas a comunicação social é perita neste tipo coisas. Todas as vacinas apresentam algum risco. Apesar de este ser, em teoria, baixo. Esta polémica faz me lembrar a do aditivo E330 que surgiu na altura em que eu andava na primária (as coisas que ainda me lembro...). O E330 é ácido cítrico que é usado como conservante em alimentos. Para uma pessoa correr algum risco, basta sair da cama, respirar ou beber ou comer qualquer coisa. Bem...na verdade basta estar vivo...