5 de março de 2010

O que não pode faltar

Todos nós, temos vários tipos de peças de roupa certamente , uns mais que outros, mas todos temos pelo menos alguma.
Muitas pessoas têm vestimenta para os dias da semana e outras para o fim de semana, pois infelizmente nem todos têm a sorte que eu tenho (alguma coisa tinha de ser boa aqui), eu posso vir trabalhar como quero, de ténis de fitas na cabeça, calças de ganga largas, curtas, tudo dentro do bom senso claro está (apesar de algumas pessoas abusarem e até de havaianas já terem vindo, mas isso já falei noutro post).
Dentro da montanha de roupa de cada um, existem sempre aquelas peças que gostamos mais, normalmente são aquelas que mais tempo passam aos trambolhões dentro da máquina da roupa, e inevitavelmente acabam por ser vitimas de acidentes que mais nenhuma tem, por exemplo entornarem algo em cima, já repararam?
É sempre ou em roupa nova ou na que mais estima temos. :)
Mas existe aquela(s) que nunca podem deixar de existir, aquela(s) que nem que seja um fim de semana fora têm de ir sempre connosco.
Qual é a tua? qual a peça de roupa sem a qual não imaginas a tua vida?
A minha é sem duvida as minhas calças de ganga :)
Qualquer uma que seja, é aquela peça que dá para todas as ocasiões, fica sempre bem, e é muito confortável :)

9 comentários:

Just Me...S disse...

Já somos duas miga, em todos os sentidos. Sou bancaria, mas como estou nos serviços centrais posso vir como quero ( dentro do razoavel, claro ) e a minha peça de roupa indispensavel é a calça de ganga...sem duvida!!!

Beijoca doce

Petra Pink disse...

sem dúvida os meus vestidos de verão lindos coloridos e muito alegres.
quanto a roupa de inverno ha muitas peças pelas quais tenho especial carinho.
Bom eu aqui na empresa também posso vestir o que quero claro que tal como dizes dentro do bom senso.
Não ando de avaianas nem de cabelo verde.
Mas fico contente por poder usar a minha roupa normal colorida e bem disposta em vez de aqueles fatos a executiva que muita gente tem de envergar que horrorrrr.

Vandinha disse...

Sem dúvida que jamais abdico de calças de ganga. Infelizmente, agora, e como ainda estou em recuperação tenho que me cingir ás calças de fato de treino. No meu trabalho também tenho essa liberdade, de poder andar de calças de ganga, como tu dizes, desde que dentro do bom senso... nada de calças de ganga rotas ou desbotadas... que raio de moda!
Beijinho***
Vandinha

Vandinha disse...

Sem dúvida que jamais abdico de calças de ganga. Infelizmente, agora, e como ainda estou em recuperação tenho que me cingir ás calças de fato de treino. No meu trabalho também tenho essa liberdade, de poder andar de calças de ganga, como tu dizes, desde que dentro do bom senso... nada de calças de ganga rotas ou desbotadas... que raio de moda!
Beijinho***
Vandinha

ricardo disse...

Eu sem duvida q sao os boxers pois andarem sem cuekas é sem duvida mt mau......

Emídio disse...

Sim, de facto, as calças de ganga são muito importantes, asim como os boxers, como diz o Ricardo, mas eu para além disso ainda tenho as meias.
Eu não consigo andar calçado sem meias, faz-me muita confusão, e só desde à 2 anos para cá é que consegui comprar uns chinelos "de pôr o dedo" e usá-los (sim, porque usar com meias também não dá com nada :) lol).

Pipa disse...

Gosto!!!! :D

Fresco_e_Fofo disse...

Eu não posso passar sem a minha tanga de pele de urso e a malinha de mão, onde guardo o "Biluzinho". Lolol

Aquae Flaviae disse...

Calças de ganga, sem dúvida! lol
No trabalho posso vestir o que me aperecer, de qualquer forma só se vêem as calças pois ando de bata!